50 Fatos Sobre O Entendimento Humano

Dicas para ensaio de tipos e gêneros textuais

As tendências de Scopas estiveram perto do artista Aristide Starchem, um dos quais os quadros representaram a mãe que morre no campo da luta para a qual enfrentam a criança consegue. O trabalho de Nikiya "Perseus e Andromeda" copia-se em um de frescos em Pompeios. Este artista apreciou-se altamente por Praksitel, confiando nele

Houve uma pesquisa de meios da transferência de sombras do movimento da alma, humor. Um deles apresenta-se por Scopas, natural do lago Paros que trabalha contemporâneos batidos com a natureza dramática e uma incorporação da escala mais difícil de sensações humanas. Destruindo um antigo ideal, harmonia inteira, Scopas preferiu representar pessoas e deuses nos momentos afetar.

A florescência da ideia de um panhellenism durante o IV século normalmente une-se com Isokrat. Mas se entender o termo "panhellenism" mais largamente, não como a unidade de gregos à vista da Pérsia e unidade em geral, é necessário mencionar e Demosfena. O falante constantemente apontava para a dissociação de políticas em frente da Macedônia, o seu inimigo geral, àquelas consequências irrevogáveis às quais pode conduzir. Respeito a uma comunidade histórica e cultural de gregos, chamou a associação e o olvido de contenções.

O nome de Athenian Leokhar une-se com dois trabalhos axiomáticos: "Apollon Belvedersqui" e "Ganymede raptado por uma águia". O refinamento e a pompa de Apollon trazem-se na admiração dos artistas da Renascença considerando pelo seu padrão do estilo clássico. A sua opinião então apoiou-se com a autoridade do teorista do neoclassicismo I. Vinkelman. Contudo na arte de XX século os críticos deixaram de compartilhar prazeres dos predecessores, encontrando em Leokhar tais faltas como teatralidade e um vyloshchennost.

O fim do V-IV século - o período de vida espiritual tempestuosa da Grécia, formação de ideias idealistas de Socrates e Platon que se desenvolve em luta contra filosofia materialista de Democritus e emergência da doutrina Kinikov.

Para a historiografia grega do IV século duas linhas principais são características: o primeiro - tratamento de história como sujeito político, o seu uso de interpretação do presente; o segundo - condenação que o historiador - não simplesmente o repórter que descreve eventos e o mentor político que pode e tem de influir na vida pública.

A emergência do movimento sofístico une-se com a complicação geral da estrutura da sociedade. Desempenharam um grande papel na revolução espiritual na sociedade grega no meio do V século em consequência de que no centro da filosofia não há um mundo e a pessoa.

Depois "Séculos escuros" o período da Antiguidade segue é o tempo de emergência, em primeiro lugar, escritas (com base em fenício), logo filosofia: matemáticas, physiophilosophy, riqueza então extraordinária da poesia lírica, etc. os gregos, habilmente usando realizações de antigas culturas de Babylon, o Egito, criam a própria arte que tinha o enorme impacto em todas as etapas subsequentes da cultura europeia.